ESTUDOS SOBRE AS TRAGÉDIAS DE SÊNECA

Calcule o valor e prazo do frete

    Sinopse

    Características

    Lúcio Aneu Sêneca - também conhecido como Sêneca, o Filósofo - foi uma das figuras mais importantes do mundo intelectual romano do século I de nossa era, tendo aliado às atividades políticas que desempenhou uma significativa produção filosófica e literária. Como homem público, ocupou cargos de magistratura e foi conselheiro de Nero, de quem havia sido preceptor; representou um papel ativo junto ao poder desde a aclamação do jovem imperador, em 54 d.C., até 62, quando se afastou definitivamente da vida palaciana. Como escritor, compôs textos filosóficos e tragédias. Nos primeiros, principalmente nas Cartas a Lucílio, permeadas do pensamento estóico, procurou mostrar que o importante, para o homem, é saber fazer face às dificuldades e percalços, viver em conformidade com a natureza e cultuar a virtude, o que representa uma adesão voluntária à ordem universal. Considerando os vícios, a maldade, a insensatez e, sobretudo, as paixões como fatores de desequilíbrio da ordem, que provocam o rompimento das leis naturais e acarretam conseqüências desastrosas, Sêneca propõe, para que se atinja a felicidade, o exercício da virtude, o domínio dos sentimentos e o enfrentamento das vicissitudes com tranqüilidade absoluta, ou seja, com a preconizada impassibilidade estóica, a apátheia.

    Home

    Sinopse1Lúcio Aneu Sêneca - também conhecido como Sêneca, o Filósofo - foi uma das figuras mais importantes do mundo intelectual romano do século I de nossa era, tendo aliado às atividades políticas que desempenhou uma significativa produção filosófica e literária. Como homem público, ocupou cargos de magistratura e foi conselheiro de Nero, de quem havia sido preceptor; representou um papel ativo junto ao poder desde a aclamação do jovem imperador, em 54 d.C., até 62, quando se afastou definitivamente da vida palaciana. Como escritor, compôs textos filosóficos e tragédias. Nos primeiros, principalmente nas Cartas a Lucílio, permeadas do pensamento estóico, procurou mostrar que o importante, para o homem, é saber fazer face às dificuldades e percalços, viver em conformidade com a natureza e cultuar a virtude, o que representa uma adesão voluntária à ordem universal. Considerando os vícios, a maldade, a insensatez e, sobretudo, as paixões como fatores de desequilíbrio da ordem, que provocam o rompimento das leis naturais e acarretam conseqüências desastrosas, Sêneca propõe, para que se atinja a felicidade, o exercício da virtude, o domínio dos sentimentos e o enfrentamento das vicissitudes com tranqüilidade absoluta, ou seja, com a preconizada impassibilidade estóica, a apátheia.
    Autor1CARDOSO, ZELIA DE ALMEIDA

    Especificação

    ISBN9788598325149
    TítuloESTUDOS SOBRE AS TRAGÉDIAS DE SÊNECA
    EditoraALAMEDA
    Formato14 X 21 cm
    Espessura2 cm
    Páginas256
    IdiomaPortuguês
    AssuntoCRITICA LITERARIA
    Edição1ª Edição
    Ano de Publicação2005

    QUEM VIU, VIU TAMBÉM

    Veja os livros que os outros também se interessam!

    Quem viu, viu também

    QUEM COMPROU, COMPROU TAMBÉM

    Veja os livros que os outros também se interessam!

    Quem comprou, comprou também

    MAIS VENDIDOS

    Veja os livros mais vendidos desta categoria!

      CONTINUECOM A GENTE!
      Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades da Livraria Unesp!